Página InicialGruposDiscussãoMaisZeitgeist
Este sítio web usa «cookies» para fornecer os seus serviços, para melhorar o desempenho, para analítica e (se não estiver autenticado) para publicidade. Ao usar o LibraryThing está a reconhecer que leu e compreende os nossos Termos de Serviço e Política de Privacidade. A sua utilização deste sítio e serviços está sujeita a essas políticas e termos.
Hide this

Resultados dos Livros Google

Carregue numa fotografia para ir para os Livros Google.

A carregar...

Sympathy for the Devil [1968 film]

por Jean-Luc Godard

MembrosCríticasPopularidadeAvaliação médiaDiscussões
273670,627 (2.63)Nenhum(a)

Nenhum(a).

Nenhum(a)
A carregar...

Adira ao LibraryThing para descobrir se irá gostar deste livro.

Ainda não há conversas na Discussão sobre este livro.

Mostrando 3 de 3
Réalisé en 1968, ce film-documentaire expérimental fait des allers-retours entre les séances d'enregistrement en studio de la chanson Sympathy for the Devil (des Rolling Stones) et des séquences censées prendre le pouls de l'époque par la voie de l'absurde et de la provocation.
Assister à la création d'une chanson aussi mythique et contestataire que Sympathy for the Devil, à travers de longues séquences et différentes facettes est extrêmement intéressant. On y perçoit l'évolution d'un groupe au sein duquel Mick Jagger a clairement beaucoup d'ascendant ; c'est le plus souvent lui qui remet les pendules à l'heure quand ça flotte. En donnant à voir l'envers du décor en quelque sorte, le film offre une belle opportunité de suivre un processus de création.
Les séquences inventées par Godard n'ont hélas pas le même intérêt, loin s'en faut ! C'est du Godard dans ce qu'il peut faire de pire à mon avis. Pontifiant, prétentieux et devenant vraiment ridicule en voulant dénoncer le ridicule. En voulant dénoncer à sa manière les dérives autoritaires et l'hypocrisie généralisée de l'époque, il a "orchestré" un concert de voix vociférantes qui conduisant à un mortel ennui.
Pour la voix de la contestation, tenons-nous en à celle des Rollings Stones, que diable ! Et Godard de desservir la sienne à travers ce contraste édifiant... ( )
  biche1968 | Oct 21, 2020 |
Nouvelle Vague iconoclast Jean-Luc Godard delivers a revolutionary Marxist polemic utilising excellent documentary footage of The Rolling Stones developing "Sympathy for the Devil" interspersed with a set of frankly annoying political "skits". These skits usually involve characters reading various texts for the viewer including readings of Eldridge Cleaver, LeRoi Jones, Stokely Carmichael and from "Mein Kampf". Another skit sees Godard's then wife, Anne Wiazemsky being asked ludicrous questions by a documentary film crew who follow her through a wood. She answers each of the questions with a simple "yes" or "no". These parts of the film are totally worthless. What makes the film worthwhile is seeing the Rolling Stones creating, developing and refining their (in my view) greatest song. It is fascinating seeing the song being built up from an acoustic guitar piece with layer-upon-layer of percussion, electric guitars, keyboards, piano, etc. Interesting to see Anita Pallenberg and Marianne Faithfull turn up to help out on the "whoo-whoo" backing vocals, which Charlie Watts assiduously appears to avoid engaging in. Sadly the film also shows Brian Jones slowly slipping out of view - initially sitting in his own booth with his guitar, only communicating to bum a cigarette until he finally completely disappears in the second half of the film. The Stones scenes are hugely interesting and watchable, but the overall film is a pretentious and boring mess that is a total failure as any form of political polemic. ( )
  calum-iain | Jul 30, 2015 |
100 minutos
  Miquinba_F | Jan 28, 2012 |
Mostrando 3 de 3
sem críticas | adicionar uma crítica

» Adicionar outros autores (7 possíveis)

Nome do autorPapelTipo de autorObra?Estado
Jean-Luc Godardautor principaltodas as ediçõescalculated
Jagger, Mickautor secundáriotodas as ediçõesconfirmado
Jones, Brianautor secundáriotodas as ediçõesconfirmado
Lynch, Seanautor secundáriotodas as ediçõesconfirmado
Richards, Keithautor secundáriotodas as ediçõesconfirmado
Watts, Charlieautor secundáriotodas as ediçõesconfirmado
Wyman, Billautor secundáriotodas as ediçõesconfirmado
Tem de autenticar-se para poder editar dados do Conhecimento Comum.
Para mais ajuda veja a página de ajuda do Conhecimento Comum.
Título canónico
Informação do Conhecimento Comum em inglês. Edite para a localizar na sua língua.
Título original
Títulos alternativos
Data da publicação original
Pessoas/Personagens
Locais importantes
Acontecimentos importantes
Filmes relacionados
Prémios e menções honrosas
Epígrafe
Dedicatória
Primeiras palavras
Citações
Últimas palavras
Nota de desambiguação
Editores da Editora
Autores de citações elogiosas (normalmente na contracapa do livro)
Língua original
DDC/MDS canónico

Referências a esta obra em recursos externos.

Wikipédia em inglês

Nenhum(a)

Não foram encontradas descrições de bibliotecas.

Descrição do livro
Resumo Haiku

Ligações Rápidas

Capas populares

Avaliação

Média: (2.63)
0.5
1
1.5 1
2
2.5 1
3 1
3.5 1
4
4.5
5

É você?

Torne-se num Autor LibraryThing.

 

Acerca | Contacto | LibraryThing.com | Privacidade/Termos | Ajuda/Perguntas Frequentes | Blogue | Loja | APIs | TinyCat | Bibliotecas Legadas | Primeiros Críticos | Conhecimento Comum | 154,437,390 livros! | Barra de topo: Sempre visível