Página InicialGruposDiscussãoMaisZeitgeist
Este sítio web usa «cookies» para fornecer os seus serviços, para melhorar o desempenho, para analítica e (se não estiver autenticado) para publicidade. Ao usar o LibraryThing está a reconhecer que leu e compreende os nossos Termos de Serviço e Política de Privacidade. A sua utilização deste sítio e serviços está sujeita a essas políticas e termos.
Hide this

Resultados dos Livros Google

Carregue numa fotografia para ir para os Livros Google.

Ardor Guerrero por Antonio Muñoz-Molina
A carregar...

Ardor Guerrero (original 1995; edição 1995)

por Antonio Muñoz-Molina (Autor)

MembrosCríticasPopularidadeAvaliação médiaDiscussões
941220,276 (3.5)Nenhum(a)
Long after completing his military service, the author has a recurring dream that he must return to serve more time because he was discharged too soon. This nightmare and the memory of the daily fear that he lived as a draftee sent to the Basque Country to face the threat of terrorist attack led him to write this exhaustive autobiography confined to that time in his life. Told with the skill and narrative ability of the great novelist that he is, the author's recounting leaves an indelible mark on the reader.… (mais)
Membro:CeliaTrujilloClavijo
Título:Ardor Guerrero
Autores:Antonio Muñoz-Molina (Autor)
Informação:Alfaguara (1995), Edition: Reprint, 392 pages
Colecções:A sua biblioteca
Avaliação:
Etiquetas:Nenhum(a)

Pormenores da obra

Ardor guerrero por Antonio Muñoz Molina (1995)

Nenhum(a).

Nenhum(a)
A carregar...

Adira ao LibraryThing para descobrir se irá gostar deste livro.

Ainda não há conversas na Discussão sobre este livro.

La visión novelada de la conscripción del autor. De Jaen a San Sebastián un joven universitario de letras y de "izquierdas" se e sumergido en la vida militar en los duros años de principios del post franquismo.
La ETA, la inutilidad del ejercito, las amistades masculinas, todo mezclado, con un fondo que muestra la estupidez e innecesariedad de la mili.
Como siempre que uno lee un escritor siempre nos sorprende la presencia borgeana ( )
  gneoflavio | Jul 14, 2016 |
sem críticas | adicionar uma crítica
Tem de autenticar-se para poder editar dados do Conhecimento Comum.
Para mais ajuda veja a página de ajuda do Conhecimento Comum.
Título canónico
Informação do Conhecimento Comum em holandês. Edite para a localizar na sua língua.
Título original
Títulos alternativos
Data da publicação original
Pessoas/Personagens
Locais importantes
Informação do Conhecimento Comum em holandês. Edite para a localizar na sua língua.
Acontecimentos importantes
Filmes relacionados
Prémios e menções honrosas
Epígrafe
Dedicatória
Primeiras palavras
Citações
Últimas palavras
Nota de desambiguação
Editores da Editora
Autores de citações elogiosas (normalmente na contracapa do livro)
Língua original
DDC/MDS canónico

Referências a esta obra em recursos externos.

Wikipédia em inglês

Nenhum(a)

Long after completing his military service, the author has a recurring dream that he must return to serve more time because he was discharged too soon. This nightmare and the memory of the daily fear that he lived as a draftee sent to the Basque Country to face the threat of terrorist attack led him to write this exhaustive autobiography confined to that time in his life. Told with the skill and narrative ability of the great novelist that he is, the author's recounting leaves an indelible mark on the reader.

Não foram encontradas descrições de bibliotecas.

Descrição do livro
Resumo Haiku

Ligações Rápidas

Capas populares

Avaliação

Média: (3.5)
0.5
1
1.5
2 1
2.5
3 3
3.5 4
4 3
4.5
5 1

É você?

Torne-se num Autor LibraryThing.

 

Acerca | Contacto | LibraryThing.com | Privacidade/Termos | Ajuda/Perguntas Frequentes | Blogue | Loja | APIs | TinyCat | Bibliotecas Legadas | Primeiros Críticos | Conhecimento Comum | 155,572,047 livros! | Barra de topo: Sempre visível