Página InicialGruposDiscussãoMaisZeitgeist
Pesquisar O Sítio Web
Este sítio web usa «cookies» para fornecer os seus serviços, para melhorar o desempenho, para analítica e (se não estiver autenticado) para publicidade. Ao usar o LibraryThing está a reconhecer que leu e compreende os nossos Termos de Serviço e Política de Privacidade. A sua utilização deste sítio e serviços está sujeita a essas políticas e termos.
Hide this

Resultados dos Livros Google

Carregue numa fotografia para ir para os Livros Google.

The Undertaking: Life Studies from the…
A carregar...

The Undertaking: Life Studies from the Dismal Trade (original 1997; edição 2009)

por Thomas Lynch

MembrosCríticasPopularidadeAvaliação médiaMenções
9001918,152 (3.82)18
"Every year I bury a couple hundred of my townspeople." So opens this singular and wise testimony. Like all poets, inspired by death, Thomas Lynch is, unlike others, also hired to bury the dead or to cremate them and to tend to their families in a small Michigan town where he serves as the funeral director. In the conduct of these duties he has kept his eyes open, his ear tuned to the indispensable vernaculars of love and grief. In these twelve pieces his is the voice of both witness and functionary. Here, Lynch, poet to the dying, names the hurts and whispers the condolences and shapes the questions posed by this familiar mystery. So here is homage to parents who have died and to children who shouldn't have. Here are golfers tripping over grave markers, gourmands and hypochondriacs, lovers and suicides. These are the lessons for life our mortality teaches us.… (mais)
Membro:gutkko
Título:The Undertaking: Life Studies from the Dismal Trade
Autores:Thomas Lynch
Informação:W.W. Norton & Co. (2009), Edition: Reprint, Paperback, 224 pages
Colecções:A sua biblioteca
Avaliação:
Etiquetas:Read

Pormenores da obra

The Undertaking: Life Studies from the Dismal Trade por Thomas Lynch (1997)

A carregar...

Adira ao LibraryThing para descobrir se irá gostar deste livro.

Ainda não há conversas na Discussão sobre este livro.

» Ver também 18 menções

Mostrando 1-5 de 19 (seguinte | mostrar todos)
Thomas Lynch's writing--in this book and others--is fantastic. I read this many years ago, but have been thinking about it again recently, and would like to re-read it. He writes about a very delicate subject with insight, compassion, and, amazingly, humor. ( )
  CaitlinMcC | Jul 11, 2021 |
Couldn't get into it. Maybe the narrator? ( )
  ambersnowpants | Aug 23, 2018 |
County Clare while in County Clare. ( )
  cookierooks | Nov 16, 2016 |
What it's like to be a funeral director, written by a poet. Much better than I'm making it sound ( )
  unclebob53703 | Jan 30, 2015 |
A collection of essays from poet and undertaker Lynch concerning life and death and the ways people handle the latter. Lynch has a gift with language—it’s obvious he’s a poet—and though I disagree with some of his later thoughts on abortion and the death penalty (I’m logical in his book since I believe in both) I cannot fault his logic. His descriptions of life in a small town, as well as life in a village in Ireland, are delicately done. The last book that rendered so well human relationships was Kathleen Finneran’s The Tender Land. ( )
  vlcraven | Nov 24, 2014 |
Mostrando 1-5 de 19 (seguinte | mostrar todos)
sem críticas | adicionar uma crítica
Tem de autenticar-se para poder editar dados do Conhecimento Comum.
Para mais ajuda veja a página de ajuda do Conhecimento Comum.
Título canónico
Título original
Títulos alternativos
Data da publicação original
Pessoas/Personagens
Locais importantes
Informação do Conhecimento Comum em inglês. Edite para a localizar na sua língua.
Acontecimentos importantes
Filmes relacionados
Prémios e menções honrosas
Informação do Conhecimento Comum em inglês. Edite para a localizar na sua língua.
Epígrafe
Dedicatória
Informação do Conhecimento Comum em inglês. Edite para a localizar na sua língua.
This book is for Dan, Pat, Tim, Mary, Eddie, Chris, and Brigid
In Memory of Our Parents Rosemary O'Hara and Edward Joseph Lynch
Primeiras palavras
Informação do Conhecimento Comum em inglês. Edite para a localizar na sua língua.
At first I thought it meant he took them under.
Citações
Últimas palavras
Informação do Conhecimento Comum em inglês. Edite para a localizar na sua língua.
Nota de desambiguação
Editores da Editora
Autores de citações elogiosas (normalmente na contracapa do livro)
Língua original
DDC/MDS canónico
Canonical LCC

Referências a esta obra em recursos externos.

Wikipédia em inglês (1)

"Every year I bury a couple hundred of my townspeople." So opens this singular and wise testimony. Like all poets, inspired by death, Thomas Lynch is, unlike others, also hired to bury the dead or to cremate them and to tend to their families in a small Michigan town where he serves as the funeral director. In the conduct of these duties he has kept his eyes open, his ear tuned to the indispensable vernaculars of love and grief. In these twelve pieces his is the voice of both witness and functionary. Here, Lynch, poet to the dying, names the hurts and whispers the condolences and shapes the questions posed by this familiar mystery. So here is homage to parents who have died and to children who shouldn't have. Here are golfers tripping over grave markers, gourmands and hypochondriacs, lovers and suicides. These are the lessons for life our mortality teaches us.

Não foram encontradas descrições de bibliotecas.

Descrição do livro
Resumo Haiku

Capas populares

Ligações Rápidas

Genres

Melvil Decimal System (DDC)

808 — Literature By Topic Rhetoric and anthologies

Classificação da Biblioteca do Congresso dos EUA (LCC)

Avaliação

Média: (3.82)
0.5
1 4
1.5
2 4
2.5 2
3 37
3.5 5
4 64
4.5 4
5 33

É você?

Torne-se num Autor LibraryThing.

W.W. Norton

2 edições deste livro foram publicadas por W.W. Norton.

Edições: 0393041123, 0393334872

 

Acerca | Contacto | LibraryThing.com | Privacidade/Termos | Ajuda/Perguntas Frequentes | Blogue | Loja | APIs | TinyCat | Bibliotecas Legadas | Primeiros Críticos | Conhecimento Comum | 162,330,588 livros! | Barra de topo: Sempre visível