Página InicialGruposDiscussãoMaisZeitgeist
Pesquisar O Sítio Web
Este sítio web usa «cookies» para fornecer os seus serviços, para melhorar o desempenho, para analítica e (se não estiver autenticado) para publicidade. Ao usar o LibraryThing está a reconhecer que leu e compreende os nossos Termos de Serviço e Política de Privacidade. A sua utilização deste sítio e serviços está sujeita a essas políticas e termos.

Resultados dos Livros Google

Carregue numa fotografia para ir para os Livros Google.

Pretending To Be Me: Philip Larkin, A…
A carregar...

Pretending To Be Me: Philip Larkin, A Portrait (edição 2005)

por Tom Courtenay (Autor), Tom Courtenay (Reader)

MembrosCríticasPopularidadeAvaliação médiaDiscussões
3Nenhum(a)4,204,667 (4.5)Nenhum(a)
Pretending To Be Me is an intimate, acerbic and occasionally scurrilous show about the poet, jazz aficionado and Hull University librarian, Philip Larkin. Larkin ('the magnificent Eeyore of British verse' - Daily Telegraph) has moved home; surrounded by packing cases, playing selections from his favourite jazz LPs, and making himself cups of tea - and later whiskies - he reflects wryly on writing and life. Hilarious and moving, the narrative shifts seamlessly between Larkin's outrageous wit and the poems, which Courtenay reads with powerful directness and simplicity.… (mais)
Membro:SnootyBaronet
Título:Pretending To Be Me: Philip Larkin, A Portrait
Autores:Tom Courtenay (Autor)
Outros autores:Tom Courtenay (Reader)
Informação:Hachette Audio (2005), Edition: Unabridged edition
Coleções:Hodgepodge
Avaliação:*****
Etiquetas:PR

Informação Sobre a Obra

Pretending to Be Me por Tom Courtenay

Adicionado recentemente portcwLT, TheDimPause, SnootyBaronet
Nenhum(a)
A carregar...

Adira ao LibraryThing para descobrir se irá gostar deste livro.

Ainda não há conversas na Discussão sobre este livro.

Sem comentários
Pretending To Be Me can be hailed for what it is. It gives us a bravura performance by an actor who understands that bravura must be in service to emotion, and not just a display of technique. It shows a curmudgeon doing what curmudgeons do best: being sardonically funny about life. Above all it brings to the theatre the primal exultation of language; the very thing that has made the English theatre thrilling since Mercutio first told Romeo about Queen Mab; the thing from which it can stray only so far before ceasing to be substantial.
adicionada por SnootyBaronet | editarTimes Literary Supplement, Clive James
 
Tem de autenticar-se para poder editar dados do Conhecimento Comum.
Para mais ajuda veja a página de ajuda do Conhecimento Comum.
Título canónico
Título original
Títulos alternativos
Data da publicação original
Pessoas/Personagens
Locais importantes
Acontecimentos importantes
Filmes relacionados
Epígrafe
Dedicatória
Primeiras palavras
Citações
Últimas palavras
Nota de desambiguação
Editores da Editora
Autores de citações elogiosas (normalmente na contracapa do livro)
Língua original
DDC/MDS canónico
LCC Canónico

Referências a esta obra em recursos externos.

Wikipédia em inglês

Nenhum(a)

Pretending To Be Me is an intimate, acerbic and occasionally scurrilous show about the poet, jazz aficionado and Hull University librarian, Philip Larkin. Larkin ('the magnificent Eeyore of British verse' - Daily Telegraph) has moved home; surrounded by packing cases, playing selections from his favourite jazz LPs, and making himself cups of tea - and later whiskies - he reflects wryly on writing and life. Hilarious and moving, the narrative shifts seamlessly between Larkin's outrageous wit and the poems, which Courtenay reads with powerful directness and simplicity.

Não foram encontradas descrições de bibliotecas.

Descrição do livro
Resumo Haiku

Current Discussions

Nenhum(a)

Capas populares

Ligações Rápidas

Avaliação

Média: (4.5)
0.5
1
1.5
2
2.5
3
3.5
4 1
4.5
5 1

É você?

Torne-se num Autor LibraryThing.

 

Acerca | Contacto | LibraryThing.com | Privacidade/Termos | Ajuda/Perguntas Frequentes | Blogue | Loja | APIs | TinyCat | Bibliotecas Legadas | Primeiros Críticos | Conhecimento Comum | 208,350,646 livros! | Barra de topo: Sempre visível