Página InicialGruposDiscussãoMaisZeitgeist
Pesquisar O Sítio Web
Este sítio web usa «cookies» para fornecer os seus serviços, para melhorar o desempenho, para analítica e (se não estiver autenticado) para publicidade. Ao usar o LibraryThing está a reconhecer que leu e compreende os nossos Termos de Serviço e Política de Privacidade. A sua utilização deste sítio e serviços está sujeita a essas políticas e termos.

Resultados dos Livros Google

Carregue numa fotografia para ir para os Livros Google.

A carregar...

The Documents in the Case (1930)

por Dorothy L. Sayers, Robert Eustace

Outros autores: Ver a secção outros autores.

MembrosCríticasPopularidadeAvaliação médiaMenções
1,5712611,477 (3.71)70
The bed was broken and tilted grotesquely sideways. Harrison was sprawled over in a huddle of soiled blankets. His mouth was twisted . . .   Harrison had been an expert on deadly mushrooms. How was it then that he had eaten a large quantity of death-dealing muscarine? Was it an accident? Suicide? Or murder?   The documents in the case seemed to be a simple collection of love notes and letters home. But they concealed a clue to the brilliant murderer who baffled the best minds in London. 'She combined literary prose with powerful suspense, and it takes a rare talent to achieve that.  A truly great storyteller.'   Minette Walters… (mais)
A carregar...

Adira ao LibraryThing para descobrir se irá gostar deste livro.

Ainda não há conversas na Discussão sobre este livro.

» Ver também 70 menções

Mostrando 1-5 de 25 (seguinte | mostrar todos)
It is hard to imagine a Dorothy Sayers novel without Lord Peter Wimsey. The novel consists of a large number of letters between the characters in the story. The first half of the book uses these letters to set the scene and provide insight into the characters long before anything criminal happens. Once the crime occurs, well into the second half of the book, it becomes an interesting detective story following up the many clues. Although this is not a great detective novel, it does show Sayers' skill in painting characters. ( )
  M_Clark | May 11, 2023 |
An "epistolary" novel, except that not every document is a letter. The front cover of the copy I checked out deceives with an image of Lord Peter.

No heroes to be found in this one. The narrators are all unreliable. Nobody really comes off well. The son is devoted and determined and despises the author. The author was fond of the dead man and dislikes everybody else, except his wife. etc. The adulterous letters are inexpressibly tedious.

Fun as a period piece; the mystery is resolved with the help of modern physics, which at the time was a very contemporary topic. Discussions of religion vs. science as is to be expected in a Dorothy Sayers novel. ( )
  themulhern | Mar 25, 2022 |
Although this isn't a Peter Wimsey story it's set in the same world (where Sir James Lubbock is the Home Office analyst). The story is told, firstly through letters, then through written statements, and finally in the first person. Its a story of suburban melodrama and eventually murder, and it's quite fascinating to see the story emerge from the multiple narrators, all of whom are unreliable, although eventually the focus coalesces to one sympathetic voice. The science is also fascinating, and is from the contribution by Robert Eustace, pen name for Dr Eustace Barton. Evidently Sayers was not satisfied with this work but I find it a worthy addition to her oevure. ( )
1 vote Figgles | Jun 9, 2020 |
An excellent example of the epistolary novel format where the story is gradually unveiled through letters and supporting documents rather than a prose narrative. Sayers presents distinctive voices and perspectives for each of the four main correspondents that establishes each as an unreliable narrator so you’re never quite sure where your sympathies should lie. The central mystery and solving of the crime itself takes a definite back seat to the human drama on offer here. ( )
  gothamajp | Apr 25, 2020 |
England, oktober 1928
???

Formen er en brevroman, dvs handlingen beskrives i en stak dokumenter, mest breve. Mange er fra Jack (John Munting) til Elizabeth Drake (Bungie), nogle fra Agatha (Aggie) Milsom til Olive Farebrother (hendes søster). ( )
  bnielsen | Jun 2, 2018 |
Mostrando 1-5 de 25 (seguinte | mostrar todos)
sem críticas | adicionar uma crítica

» Adicionar outros autores (7 possíveis)

Nome do autorPapelTipo de autorObra?Estado
Sayers, Dorothy L.autor principaltodas as ediçõesconfirmado
Eustace, Robertautor principaltodas as ediçõesconfirmado
Crowley, DonArtista da capaautor secundárioalgumas ediçõesconfirmado
George, ElizabethIntroduçãoautor secundárioalgumas ediçõesconfirmado
Griffini, Grazia Mariaautor secundárioalgumas ediçõesconfirmado
May, NadiaNarradorautor secundárioalgumas ediçõesconfirmado
Purves, LibbyIntroduçãoautor secundárioalgumas ediçõesconfirmado
Quenzer, GerlindeTradutorautor secundárioalgumas ediçõesconfirmado
Tem de autenticar-se para poder editar dados do Conhecimento Comum.
Para mais ajuda veja a página de ajuda do Conhecimento Comum.
Título canónico
Informação do Conhecimento Comum em inglês. Edite para a localizar na sua língua.
Título original
Títulos alternativos
Data da publicação original
Pessoas/Personagens
Informação do Conhecimento Comum em inglês. Edite para a localizar na sua língua.
Locais importantes
Informação do Conhecimento Comum em inglês. Edite para a localizar na sua língua.
Acontecimentos importantes
Filmes relacionados
Epígrafe
Dedicatória
Primeiras palavras
Informação do Conhecimento Comum em inglês. Edite para a localizar na sua língua.
My dear Olive,
Thank you very much for your letter and kind inquiries after my health.
Citações
Últimas palavras
Informação do Conhecimento Comum em inglês. Edite para a localizar na sua língua.
(Carregue para mostrar. Atenção: Pode conter revelações sobre o enredo.)
Nota de desambiguação
Editores da Editora
Autores de citações elogiosas (normalmente na contracapa do livro)
Língua original
Informação do Conhecimento Comum em inglês. Edite para a localizar na sua língua.
DDC/MDS canónico
LCC Canónico

Referências a esta obra em recursos externos.

Wikipédia em inglês (1)

The bed was broken and tilted grotesquely sideways. Harrison was sprawled over in a huddle of soiled blankets. His mouth was twisted . . .   Harrison had been an expert on deadly mushrooms. How was it then that he had eaten a large quantity of death-dealing muscarine? Was it an accident? Suicide? Or murder?   The documents in the case seemed to be a simple collection of love notes and letters home. But they concealed a clue to the brilliant murderer who baffled the best minds in London. 'She combined literary prose with powerful suspense, and it takes a rare talent to achieve that.  A truly great storyteller.'   Minette Walters

Não foram encontradas descrições de bibliotecas.

Descrição do livro
Resumo Haiku

Current Discussions

Nenhum(a)

Capas populares

Ligações Rápidas

Géneros

Sistema Decimal de Melvil (DDC)

813Literature English (North America) American fiction

Classificação da Biblioteca do Congresso dos EUA (LCC)

Avaliação

Média: (3.71)
0.5
1 4
1.5
2 13
2.5 5
3 68
3.5 20
4 98
4.5 4
5 47

É você?

Torne-se num Autor LibraryThing.

 

Acerca | Contacto | LibraryThing.com | Privacidade/Termos | Ajuda/Perguntas Frequentes | Blogue | Loja | APIs | TinyCat | Bibliotecas Legadas | Primeiros Críticos | Conhecimento Comum | 206,386,654 livros! | Barra de topo: Sempre visível