Página InicialGruposDiscussãoExplorarZeitgeist
Pesquisar O Sítio Web
Este sítio web usa «cookies» para fornecer os seus serviços, para melhorar o desempenho, para analítica e (se não estiver autenticado) para publicidade. Ao usar o LibraryThing está a reconhecer que leu e compreende os nossos Termos de Serviço e Política de Privacidade. A sua utilização deste sítio e serviços está sujeita a essas políticas e termos.
Hide this

Resultados dos Livros Google

Carregue numa fotografia para ir para os Livros Google.

De laatste lach por Philip K. Dick
A carregar...

De laatste lach (edição 1981)

por Philip K. Dick

MembrosCríticasPopularidadeAvaliação médiaMenções
672726,575 (3.38)10
Following a devastating nuclear war, the Moral Reclamation government took over the world and forced its citizens to live by strictly puritanical rules--no premarital sex, drunkenness, or displaying of neon signs--all of which are reinforced through a constant barrage of messaging to the public. The chief purveyor of these messages is Alan Purcell, next in line to become head of the propaganda bureau. But there is just one problem: a statue of the government's founderhas been vandalized and the head is hidden in Purcell's closet. In this buttoned-up society, maybe all a revolution needs is one really great prank . . .… (mais)
Membro:pieneman1
Título:De laatste lach
Autores:Philip K. Dick
Informação:Leeuwarden Bruna Pockethuis 1981
Colecções:A sua biblioteca
Avaliação:
Etiquetas:Nenhum(a)

Informação Sobre a Obra

The Man Who Japed por Philip K. Dick

A carregar...

Adira ao LibraryThing para descobrir se irá gostar deste livro.

Ainda não há conversas na Discussão sobre este livro.

» Ver também 10 menções

Mostrando 1-5 de 7 (seguinte | mostrar todos)
This 50's PKD is a real keeper. I might really enjoy re-reading it in the next few years, but you know what I really want?

A MOVIE. This novel is a comedic GEM. It's funny as hell. A very McCarthy-era satire mixing post-apocalypse with uber-concerns with public morality in a paranoid state with tiny robots spying on everyone.

The witch-hunts never stopped.

And yet... a man with a sense of humor in the right place at the right time can change the world.

Not to spoil things, but car chases at 30 miles per hour and punting the head of a statue is just icing on the cake.

I can totally see Jon Hamm taking the lead with his totally confident smile as charges of public indecency are leveled against him or when he picks up James Joyce's [b:Ulysses|338798|Ulysses|James Joyce|https://images.gr-assets.com/books/1428891345s/338798.jpg|2368224] or when the homage to Swift's [b:A Modest Proposal|5206937|A Modest Proposal|Jonathan Swift|https://images.gr-assets.com/books/1348659670s/5206937.jpg|6627040] airs on public tv.

My imagination adds a rioting crowd of B-52's and horn-rimmed glasses, and oh! such outrage!

Who will stand with me? One last practical joke to topple society? Let me see a show of hands! :) ( )
  bradleyhorner | Jun 1, 2020 |
This was a typical Philip K. Dick novel. It was one of his earlier works, which sets itself adequately, while maybe not as proficiently as some of his later works. The plot here wanders a little, like a lesser Dick novel does, but it still manages to push on through, sufficiently, to its destination. I felt this to be a little bit typical and expected of a Dick novel, although there were some parts in the first third that were unexpected and novel. Overall, still a book for Philip K. Dick enthusiasts, but the regular Sci-Fi reader might not find this one up to par.

3 stars. ( )
  DanielSTJ | Jul 16, 2019 |
Mad Men meets 1984. ( )
  Jon_Hansen | Nov 24, 2018 |
A novella length story about how a sense of humour can become criminal in a society that ruthlessly enforces codified morality. ( )
  brakketh | Oct 24, 2016 |
Excelente. Podia ser um feito um filme brilhante inspirado neste livro. Um mundo que foi transformado num paradigma de abjeta moralidade em que em blocos de apartamentos com uma divisão minúscula, onde se faz tudo, exceto a casa de banho que é única, pública é comum, existe uma quase militar fiscalizadora em que semanalmente as pessoas são acusadas por terem cometido atos que atentam contra a suposta moralidade desse mundo. Essa modalidade é transmitida regularmente em programas, que são desenhados por agências que desenham conteúdos e existem agentes que preservam essa moralidade. À semelhança ao controlo nazi pelos jovens e ao espírito das SS é notória e cria o interesse em acompanhar o que acontece de seguida, ou seja, quando a estátua do salvador desse mundo, major Streiter é profanada de uma forma hilariante, sem se saber por quem. Todo o livro gira à volta da personagem principal que vive nesse mundo, mas que está desconfortável de uma forma subconsciente com os epítomas doentios de suposta moralidade que brotam dessa sociedade meio psicopata.
À medida que ele toma consciência do que têm vindo a fazer, partilha com a mulher e desenrola uma sucessão de acontecimentos para tentar ajudar a despertar uma consciência coletiva supostamente adormecida.
Mais uma obra genial de um autor fundamental do século XX ( )
  bruc79 | Jul 31, 2015 |
Mostrando 1-5 de 7 (seguinte | mostrar todos)
sem críticas | adicionar uma crítica

» Adicionar outros autores (9 possíveis)

Nome do autorPapelTipo de autorObra?Estado
Philip K. Dickautor principaltodas as ediçõescalculated
Daniels, LukeNarradorautor secundárioalgumas ediçõesconfirmado
Moisan, ChristopherDesigner da capaautor secundárioalgumas ediçõesconfirmado
Moore, ChrisArtista da capaautor secundárioalgumas ediçõesconfirmado
Sparks, RichardArtista da capaautor secundárioalgumas ediçõesconfirmado
Valigursky, EdArtista da capaautor secundárioalgumas ediçõesconfirmado
Tem de autenticar-se para poder editar dados do Conhecimento Comum.
Para mais ajuda veja a página de ajuda do Conhecimento Comum.
Título canónico
Informação do Conhecimento Comum em inglês. Edite para a localizar na sua língua.
Título original
Títulos alternativos
Data da publicação original
Pessoas/Personagens
Informação do Conhecimento Comum em inglês. Edite para a localizar na sua língua.
Locais importantes
Acontecimentos importantes
Filmes relacionados
Prémios e menções honrosas
Epígrafe
Dedicatória
Primeiras palavras
Informação do Conhecimento Comum em inglês. Edite para a localizar na sua língua.
At Seven A.M., Allen Purcell, the forward-looking young president of the newest and most creative of the Research Agencies, lost a bedroom.
Citações
Últimas palavras
Informação do Conhecimento Comum em inglês. Edite para a localizar na sua língua.
(Carregue para mostrar. Atenção: Pode conter revelações sobre o enredo.)
Nota de desambiguação
Editores da Editora
Autores de citações elogiosas (normalmente na contracapa do livro)
Língua original
DDC/MDS canónico
Canonical LCC

Referências a esta obra em recursos externos.

Wikipédia em inglês

Nenhum(a)

Following a devastating nuclear war, the Moral Reclamation government took over the world and forced its citizens to live by strictly puritanical rules--no premarital sex, drunkenness, or displaying of neon signs--all of which are reinforced through a constant barrage of messaging to the public. The chief purveyor of these messages is Alan Purcell, next in line to become head of the propaganda bureau. But there is just one problem: a statue of the government's founderhas been vandalized and the head is hidden in Purcell's closet. In this buttoned-up society, maybe all a revolution needs is one really great prank . . .

Não foram encontradas descrições de bibliotecas.

Descrição do livro
Resumo Haiku

Capas populares

Ligações Rápidas

Avaliação

Média: (3.38)
0.5
1 1
1.5 4
2 9
2.5 1
3 47
3.5 11
4 36
4.5 7
5 6

É você?

Torne-se num Autor LibraryThing.

 

Acerca | Contacto | LibraryThing.com | Privacidade/Termos | Ajuda/Perguntas Frequentes | Blogue | Loja | APIs | TinyCat | Bibliotecas Legadas | Primeiros Críticos | Conhecimento Comum | 164,393,702 livros! | Barra de topo: Sempre visível