Página InicialGruposDiscussãoMaisZeitgeist
Pesquisar O Sítio Web
Este sítio web usa «cookies» para fornecer os seus serviços, para melhorar o desempenho, para analítica e (se não estiver autenticado) para publicidade. Ao usar o LibraryThing está a reconhecer que leu e compreende os nossos Termos de Serviço e Política de Privacidade. A sua utilização deste sítio e serviços está sujeita a essas políticas e termos.
Hide this

Resultados dos Livros Google

Carregue numa fotografia para ir para os Livros Google.

Memento mori por Muriel Spark
A carregar...

Memento mori (original 1959; edição 2017)

por Muriel Spark

MembrosCríticasPopularidadeAvaliação médiaMenções
1,481549,080 (3.78)273
Unforgettably astounding and a joy to read, Memento Mori is considered by many to be the greatest novel by the wizardly Dame Muriel Spark. In late 1950s London, something uncanny besets a group of elderly friends: an insinuating voice on the telephone informs each, "Remember you must die." Their geriatric feathers are soon thoroughly ruffled by these seemingly supernatural phone calls, and in the resulting flurry many old secrets are dusted off. Beneath the once decorous surface of their lives, unsavories like blackmail and adultery are now to be glimpsed. As spooky as it is witty, poignant and wickedly hilarious, Memento Mori may ostensibly concern death, but it is a book which leaves one relishing life all the more.… (mais)
Membro:jr33rpm
Título:Memento mori
Autores:Muriel Spark
Informação:Edinburgh : Polygon, 2017.
Colecções:A sua biblioteca, Para ler
Avaliação:
Etiquetas:Nenhum(a)

Pormenores da obra

Memento Mori por Muriel Spark (1959)

A carregar...

Adira ao LibraryThing para descobrir se irá gostar deste livro.

Ainda não há conversas na Discussão sobre este livro.

» Ver também 273 menções

Inglês (51)  Alemão (1)  Italiano (1)  Holandês (1)  Todas as línguas (54)
Mostrando 1-5 de 54 (seguinte | mostrar todos)
wonderfully odd ( )
  mjhunt | Jan 22, 2021 |
Received lots of high praise, according to the quotes on the cover, but did nothing for me.

A "darkly comic" novel that is neither funny nor actually that dark - just some old rich people dying, one of whom is murdered off-screen, the rest of mostly natural causes in an epilogue. There is an air of Roald Dahl about this, with the countless silly grannies ("granny trotsky, granny barnacle", etc) like the beginning of Charlie and the Chocolate Factory. It has no Dahl comedy or creativity however, and my overall experience was simply boredom.

Muriel Spark can write very well, but none of that is on show here. ( )
  sometimeunderwater | Nov 20, 2020 |
823.914 SPA
  ScarpaOderzo | Apr 17, 2020 |
"Remember you must die" is a translation of memento mori and is the phrase that a group of elderly people is hearing from an anonymous phone caller. They respond to this is different ways, but they are all at the time of life where "remember you must die" is truly around the corner.

The characters in this book are in their 80s and 90s. As such, they've had plenty of time, decades!, to misbehave, fight, and fall in love. Muriel Spark explores their interactions with humor and realism. There is a certain amount of looking back, but they are still actively living their lives regardless of their state of health, something I appreciated.

In this book, Spark didn't surprise me quite as much as she usually does. It's a good book, but not my favorite of hers. ( )
  japaul22 | Dec 29, 2019 |
Mostrando 1-5 de 54 (seguinte | mostrar todos)
sem críticas | adicionar uma crítica

» Adicionar outros autores (7 possíveis)

Nome do autorPapelTipo de autorObra?Estado
Spark, Murielautor principaltodas as ediçõesconfirmado
Kennedy, A.L.Introduçãoautor secundárioalgumas ediçõesconfirmado
Mutsaars, AnjoDesigner da capaautor secundárioalgumas ediçõesconfirmado
Pariser, VanCover photographautor secundárioalgumas ediçõesconfirmado
Pritchett, V. S.Introduçãoautor secundárioalgumas ediçõesconfirmado
Strachan, ZoëIntroduçãoautor secundárioalgumas ediçõesconfirmado
Taylor, AlanPrefácioautor secundárioalgumas ediçõesconfirmado
Vranken, KatjaTradutorautor secundárioalgumas ediçõesconfirmado
Tem de autenticar-se para poder editar dados do Conhecimento Comum.
Para mais ajuda veja a página de ajuda do Conhecimento Comum.
Título canónico
Informação do Conhecimento Comum em inglês. Edite para a localizar na sua língua.
Título original
Títulos alternativos
Data da publicação original
Pessoas/Personagens
Informação do Conhecimento Comum em inglês. Edite para a localizar na sua língua.
Locais importantes
Informação do Conhecimento Comum em inglês. Edite para a localizar na sua língua.
Acontecimentos importantes
Filmes relacionados
Informação do Conhecimento Comum em inglês. Edite para a localizar na sua língua.
Prémios e menções honrosas
Informação do Conhecimento Comum em inglês. Edite para a localizar na sua língua.
Epígrafe
Informação do Conhecimento Comum em inglês. Edite para a localizar na sua língua.
What shall I do with this absurdity -
O heart, O troubled heart - this caricature,
Decrepit age that has been tied to me
As to a dog's tail?

W B Yeats, The Tower.

O what Venerable and Reverend Creatures
did the Aged seem! Immortal Cherubims!

Thomas Traherne, Centuries of Meditation.

Q. What are the four last things to be ever remembered?
A. The four last things to be ever remembered are Death, Judgement, Hell, and Heaven.

The Penny Catechism.
Dedicatória
Informação do Conhecimento Comum em inglês. Edite para a localizar na sua língua.
For TERESA WALSHE with love

Primeiras palavras
Informação do Conhecimento Comum em inglês. Edite para a localizar na sua língua.
Dame Lettie Colston refilled her fountain-pen and continued her letter: One of these days I hope you will write as brilliantly on a happier theme.
The world according to Muriel Spark is a startling place, constructed with intelligence, relish and extraordinary precision. (Introduction)
Citações
Informação do Conhecimento Comum em inglês. Edite para a localizar na sua língua.
Remember you must die.
(Spoiler Alert) Lisa Brooke died in her seventy-third year after her second stroke. She had taken nine months to die, and in fact it was only a year before her death that, feeling rather ill, she had decided to reform her life, and reminding herself how attractive she still was, offered up the new idea, her celibacy, to the Lord to whom no gift whatsoever is unacceptable.
Últimas palavras
Informação do Conhecimento Comum em inglês. Edite para a localizar na sua língua.
(Carregue para mostrar. Atenção: Pode conter revelações sobre o enredo.)
(Carregue para mostrar. Atenção: Pode conter revelações sobre o enredo.)
Nota de desambiguação
Editores da Editora
Autores de citações elogiosas (normalmente na contracapa do livro)
Informação do Conhecimento Comum em inglês. Edite para a localizar na sua língua.
Língua original
Informação do Conhecimento Comum em inglês. Edite para a localizar na sua língua.
DDC/MDS canónico

Referências a esta obra em recursos externos.

Wikipédia em inglês (1)

Unforgettably astounding and a joy to read, Memento Mori is considered by many to be the greatest novel by the wizardly Dame Muriel Spark. In late 1950s London, something uncanny besets a group of elderly friends: an insinuating voice on the telephone informs each, "Remember you must die." Their geriatric feathers are soon thoroughly ruffled by these seemingly supernatural phone calls, and in the resulting flurry many old secrets are dusted off. Beneath the once decorous surface of their lives, unsavories like blackmail and adultery are now to be glimpsed. As spooky as it is witty, poignant and wickedly hilarious, Memento Mori may ostensibly concern death, but it is a book which leaves one relishing life all the more.

Não foram encontradas descrições de bibliotecas.

Descrição do livro
Resumo Haiku

Ligações Rápidas

Capas populares

Avaliação

Média: (3.78)
0.5
1 6
1.5
2 20
2.5 5
3 74
3.5 24
4 149
4.5 22
5 60

É você?

Torne-se num Autor LibraryThing.

 

Acerca | Contacto | LibraryThing.com | Privacidade/Termos | Ajuda/Perguntas Frequentes | Blogue | Loja | APIs | TinyCat | Bibliotecas Legadas | Primeiros Críticos | Conhecimento Comum | 157,897,727 livros! | Barra de topo: Sempre visível