Página InicialGruposDiscussãoMaisZeitgeist
Pesquisar O Sítio Web
Este sítio web usa «cookies» para fornecer os seus serviços, para melhorar o desempenho, para analítica e (se não estiver autenticado) para publicidade. Ao usar o LibraryThing está a reconhecer que leu e compreende os nossos Termos de Serviço e Política de Privacidade. A sua utilização deste sítio e serviços está sujeita a essas políticas e termos.

Resultados dos Livros Google

Carregue numa fotografia para ir para os Livros Google.

Ondskans filosofi por Lars Fr. H. Svendsen
A carregar...

Ondskans filosofi (edição 2005)

por Lars Fr. H. Svendsen, Ulla-Stina Rask (Tradutor)

MembrosCríticasPopularidadeAvaliação médiaDiscussões
861309,260 (3.94)Nenhum(a)
Svendsen has a way with words, and, unlike many writers of philosophy books, is also blessed with a sly wit and a thorough knowledge of popular culture. Phil Miller, The Glasgow Herald
Membro:KriRand70
Título:Ondskans filosofi
Autores:Lars Fr. H. Svendsen
Outros autores:Ulla-Stina Rask (Tradutor)
Informação:Stockholm : Natur och kultur, 2005.
Coleções:Philosophy, A sua biblioteca
Avaliação:
Etiquetas:Nenhum(a)

Informação Sobre a Obra

A Philosophy of Evil por Lars Fr. H. Svendsen

Nenhum(a)
A carregar...

Adira ao LibraryThing para descobrir se irá gostar deste livro.

Ainda não há conversas na Discussão sobre este livro.

This is far and away one of the best books I’ve ever read on the subject of evil -- real evil. And by “real evil” I mean, simply, evil as I’ve experienced it out in the real world. The book is well reasoned, impassioned, and refreshingly free from hysterical descriptions of what Mr. Svendsen calls “demonic evil”; i.e., evil performed for evil’s sake. Simply put, “demonic evil” doesn’t exist. But real evil -- instrumental evil, idealistic evil, and what Arendt called “stupid” or “banal” evil -- really exists.

Clearly.

Evil exists in the world because humans are free agents. As Solzhenitsyn wrote, “the line dividing good and evil doesn’t run through different groups -- nations, classes, or political parties -- but “right through every human heart.” Yours. Mine.

"And who can kill a piece of his heart?"

Mr. Svendsen, quoting Stuart Hampshire, writes, “‘there is nothing mysterious or ‘subjective’ or culture-bound in the great evils of human experience, re-affirmed in every age and in every written history and in every tragedy and fiction: murder and destruction of life, imprisonment, enslavement, starvation, poverty, physical pain and torture, homelessness, friendlessness.’ We don’t need a theory to tell us that those evils are evil -- and every theory that concludes that these evils are not in fact evil will be wrong. As I’ve said time and again, such evils must be fought. This is the basic presupposition behind every known moral stance, and ought to be one for all political stances as well. Though different concepts of the good can lead to different priorities in the struggle against evil, all people agree on one thing: these evils, and others like them, must be opposed. What matters now is finally doing it.”

Go and do. ( )
  evamat72 | Mar 31, 2016 |
sem críticas | adicionar uma crítica
Tem de autenticar-se para poder editar dados do Conhecimento Comum.
Para mais ajuda veja a página de ajuda do Conhecimento Comum.
Título canónico
Informação do Conhecimento Comum em inglês. Edite para a localizar na sua língua.
Título original
Títulos alternativos
Data da publicação original
Pessoas/Personagens
Locais importantes
Acontecimentos importantes
Filmes relacionados
Epígrafe
Dedicatória
Primeiras palavras
Citações
Últimas palavras
Nota de desambiguação
Editores da Editora
Autores de citações elogiosas (normalmente na contracapa do livro)
Língua original
DDC/MDS canónico
LCC Canónico

Referências a esta obra em recursos externos.

Wikipédia em inglês (2)

Svendsen has a way with words, and, unlike many writers of philosophy books, is also blessed with a sly wit and a thorough knowledge of popular culture. Phil Miller, The Glasgow Herald

Não foram encontradas descrições de bibliotecas.

Descrição do livro
Resumo Haiku

Current Discussions

Nenhum(a)

Capas populares

Ligações Rápidas

Avaliação

Média: (3.94)
0.5
1
1.5
2
2.5
3 2
3.5 1
4 4
4.5
5 2

É você?

Torne-se num Autor LibraryThing.

 

Acerca | Contacto | LibraryThing.com | Privacidade/Termos | Ajuda/Perguntas Frequentes | Blogue | Loja | APIs | TinyCat | Bibliotecas Legadas | Primeiros Críticos | Conhecimento Comum | 201,793,807 livros! | Barra de topo: Sempre visível