Página InicialGruposDiscussãoMaisZeitgeist
Pesquisar O Sítio Web
Este sítio web usa «cookies» para fornecer os seus serviços, para melhorar o desempenho, para analítica e (se não estiver autenticado) para publicidade. Ao usar o LibraryThing está a reconhecer que leu e compreende os nossos Termos de Serviço e Política de Privacidade. A sua utilização deste sítio e serviços está sujeita a essas políticas e termos.

Resultados dos Livros Google

Carregue numa fotografia para ir para os Livros Google.

A carregar...

Blankets (2003)

por Craig Thompson

Outros autores: Ver a secção outros autores.

MembrosCríticasPopularidadeAvaliação médiaMenções
5,1972432,065 (4.07)271
Loosely based on the author's life, chronicling his journey from childhood to adulthood, exploring the people, experiences, and beliefs that he encountered along the way.
  1. 100
    Fun Home: A Family Tragicomic por Alison Bechdel (McMinty, 2810michael)
  2. 100
    The Complete Persepolis por Marjane Satrapi (Hibou8)
    Hibou8: Two very good graphic novels that deal with coming of age.
  3. 30
    Stitches: A Memoir por David Small (teelgee)
  4. 10
    American Jesus - Book One: Chosen por Mark Millar (Percevan)
    Percevan: Both comic books are about coming of age and a boy's relationship to Christianity. They are both thought-provoking, but in different ways.
  5. 10
    Days of the Bagnold Summer por Joff Winterhart (kinsey_m)
  6. 00
    Born Again por Kelly Kerney (Percevan)
    Percevan: Both books deal with coming of age of after rigid fundamentalist christian upbringing, but in different formats: a girl's thought provoking fictional story in a novel (Born again) and a beautiful graphic novel with the autobiographical story of a boy (Blankets).… (mais)
  7. 00
    Underdogs por Markus Zusak (MarcusH)
    MarcusH: While The Underdogs is not a graphic novel, Markus Zusak does create a series of somewhat autobiographical coming of age tales similar to the story told in Blankets. Zusak's prose is poetic and creates images through words as Thompson creates actual images.
  8. 11
    Asterios Polyp por David Mazzucchelli (Percevan)
  9. 00
    Persepolis: The Story of a Childhood por Marjane Satrapi (Hibou8)
  10. 00
    Ghost World por Daniel Clowes (hazzabamboo)
  11. 00
    Moonshadow por J. M. DeMatteis (apokoliptian)
  12. 01
    Black Hole por Charles Burns (2810michael)
A carregar...

Adira ao LibraryThing para descobrir se irá gostar deste livro.

Ainda não há conversas na Discussão sobre este livro.

» Ver também 271 menções

Inglês (226)  Francês (3)  Holandês (3)  Dinamarquês (3)  Italiano (2)  Espanhol (2)  Catalão (2)  Alemão (1)  Todas as línguas (242)
Mostrando 1-5 de 242 (seguinte | mostrar todos)
Blankets è il secondo libro che leggo di Craig Thompson, quindi posso affermare con cognizione di causa che, al di là del suo talento, ha un modo di raffigurare le donne che mi mette tremendamente a disagio e mi impedisce di simpatizzare con le sue storie.

È un aspetto che ho trovato molto più marcato in Habibi – l’altra opera di Thompson che ho letto – ma anche Blankets non scherza: Raina, l’interesse amoroso adolescenziale dell’autore, viene spesso raffigurata in pose conturbanti oppure come una sorta di angelo pronta a mostrare una via verso la purezza alternativa a quella predicata in chiesa.

Sono abbastanza convinta che queste raffigurazioni siano proprio il frutto dell’educazione fortemente cristiana e sessuofobica ricevuta da Thompson (e che in parte ci viene raccontata proprio in Blankets), ma nessun ragionamento razionale riesce a scacciare via il senso di disagio causatomi dal vedere il corpo di Raina disegnato in quel modo.

So di essere in netta minoranza, visto quanto è piaciuto e piace questo libro, data anche la sua capacità di raccontare i turbamenti adolescenziali e la classica storia triste di chi cresce in un ambiente fondamentalista, ma Blankets non ha proprio colpito niente in me. Sono però contenta che alla fine Thompson si sia allontanato da quell’ambiente tossico e abbia trovato la sua strada. Anche se disegna i corpi femminili in maniera inquietante. ( )
  lasiepedimore | Jan 12, 2024 |
Blankets has become one of my favorite graphic novels. This is a deeply engrossing coming-of-age story of an artist growing up in a conservative culture. Its characters are treated with respect and empathy, and the reader is left with hope and respect for the trails that our lives make in the snow. ( )
  vverse23 | Jan 9, 2024 |
A really good coming of age graphic memoir. Now 20 years old, it has some aging language issues, but still an honest, awkward, sometimes unflattering, portrayal of the author when he was in his late teens. ( )
  rumbledethumps | Nov 25, 2023 |
Art style was a bit meh. The back and forth nature of flashbacks was overly confusing. I frequently didn't know which character was which due to style and/or dialogue. There's a lot of big topics here about sexual abuse, domestic abuse, violence against children, emotional manipulation, problems with institutional religion, homophobia, the American education system... It's a lot. But I don't find the way it's told compelling, and I can find things on it written elsewhere. Also the fact that it's got a quotation by Joss Whedon on the back saying "it's one of the greatest love stories" REALLY turned me off. ( )
  AnonR | Aug 5, 2023 |
Dalla coperta di Linus a quella di Todd ed infine a quella di Craig...

Dal film L'attimo fuggente (Carpe Diem):
Todd: La verità è una coperta che ti lascia scoperti i piedi
[risate]
Keating: No, non ci faccia caso, continui con la coperta, mi parli della coperta.
Todd: Tu la spingi, la tiri e lei non basta mai, anche se ti dibatti, non riesci a coprirti tutto...
Keating: Non ti fermare.
Todd: Dal momento in cui nasci piangendo al momento in cui esci morendo, ti copre solo la faccia e tu piangi e gridi e gemi.
[le risate si spengono]


Di notte,
quando stai
sdraiato a
pancia in su
e guardi la
neve che
scende, è
facile imma-
ginare di
librarti in
volo tra
le stelle.

(269)

E la neve caduta
accolgie la neve che
cade e le sussurra
"SILENZIO".

(322)

...ogni cosa
DEGENERA...

...si
DETERIORA...

...e allora
perché farla
cominciare?

(381)

Sì, appunto, un bel ADDIO è sempre quello che ci vuole... ( )
  NewLibrary78 | Jul 22, 2023 |
Mostrando 1-5 de 242 (seguinte | mostrar todos)
Blankets is an attempt to rejuvenate such well-trod themes as social isolation, religious guilt, and first love; the vitality of which has become too frequently obscured by countless hackneyed dramas and endless clichés. Toward the very end of this “illustrated novel,” Craig notes, while walking in snow, how “satisfying it is to leave a mark on a blank surface.” In Blankets, Thompson does just this: through daring leaps of visual storytelling, he makes wonderfully fresh marks upon a surface long worn blank.
adicionada por stephmo | editarThe Modern World, Ismo Santala (Nov 18, 2003)
 
In telling his story, which includes beautifully rendered memories of the small brutalities that parents inflict upon their children and siblings upon each other, Thompson describes the ecstasy and ache of obsession (with a lover, with God) and is unafraid to suggest the ways that obsession can consume itself and evaporate.
adicionada por stephmo | editarNew York Times, Ken Tucker (Sep 13, 2003)
 
...credit writer-artist Craig Thompson, 27, for infusing his bittersweet tale of childhood psyche bruising, junior Christian angst, and adolescent first love with a lyricism so engaging, the pages fly right by.
adicionada por stephmo | editarEntertainment Weekly, Tom Russo (Sep 5, 2003)
 
I would be unlikely to share Blankets with someone who told me they wanted to understand comix. Instead, I would give it to anyone who told me they wanted to read a book that made them feel transcendent, sad, generous, hopeful — but above all, to truly feel something.
adicionada por stephmo | editarPowells.com, Chris Bolton (Aug 23, 2003)
 
Part teen romance novel, part coming-of-age novel, part faith-in-crisis novel and all comix, "Blankets" is a great American novel.
adicionada por stephmo | editarTIME, Andrew Arnold (Jul 11, 2003)
 

» Adicionar outros autores (8 possíveis)

Nome do autorPapelTipo de autorObra?Estado
Thompson, Craigautor principaltodas as ediçõesconfirmado
Assis, ÉricoTradutorautor secundárioalgumas ediçõesconfirmado
David, AlainTraductionautor secundárioalgumas ediçõesconfirmado
Dohmen, ToonTradutorautor secundárioalgumas ediçõesconfirmado
Fliege, Claudiaautor secundárioalgumas ediçõesconfirmado
Tem de autenticar-se para poder editar dados do Conhecimento Comum.
Para mais ajuda veja a página de ajuda do Conhecimento Comum.
Título canónico
Informação do Conhecimento Comum em inglês. Edite para a localizar na sua língua.
Título original
Títulos alternativos
Data da publicação original
Pessoas/Personagens
Informação do Conhecimento Comum em inglês. Edite para a localizar na sua língua.
Locais importantes
Informação do Conhecimento Comum em inglês. Edite para a localizar na sua língua.
Acontecimentos importantes
Filmes relacionados
Epígrafe
Dedicatória
Informação do Conhecimento Comum em inglês. Edite para a localizar na sua língua.
For my family, with love.
Primeiras palavras
Informação do Conhecimento Comum em inglês. Edite para a localizar na sua língua.
When we were young, my little brother Phil and I shared the same bed.
Citações
Últimas palavras
Informação do Conhecimento Comum em inglês. Edite para a localizar na sua língua.
(Carregue para mostrar. Atenção: Pode conter revelações sobre o enredo.)
Nota de desambiguação
Editores da Editora
Autores de citações elogiosas (normalmente na contracapa do livro)
Informação do Conhecimento Comum em inglês. Edite para a localizar na sua língua.
Língua original
Informação do Conhecimento Comum em inglês. Edite para a localizar na sua língua.
DDC/MDS canónico
LCC Canónico

Referências a esta obra em recursos externos.

Wikipédia em inglês (2)

Loosely based on the author's life, chronicling his journey from childhood to adulthood, exploring the people, experiences, and beliefs that he encountered along the way.

Não foram encontradas descrições de bibliotecas.

Descrição do livro
Resumo Haiku

Current Discussions

Nenhum(a)

Capas populares

Ligações Rápidas

Avaliação

Média: (4.07)
0.5 1
1 21
1.5 5
2 72
2.5 20
3 303
3.5 68
4 648
4.5 108
5 665

É você?

Torne-se num Autor LibraryThing.

 

Acerca | Contacto | LibraryThing.com | Privacidade/Termos | Ajuda/Perguntas Frequentes | Blogue | Loja | APIs | TinyCat | Bibliotecas Legadas | Primeiros Críticos | Conhecimento Comum | 204,750,658 livros! | Barra de topo: Sempre visível