Página InicialGruposDiscussãoMaisZeitgeist
Pesquisar O Sítio Web
Este sítio web usa «cookies» para fornecer os seus serviços, para melhorar o desempenho, para analítica e (se não estiver autenticado) para publicidade. Ao usar o LibraryThing está a reconhecer que leu e compreende os nossos Termos de Serviço e Política de Privacidade. A sua utilização deste sítio e serviços está sujeita a essas políticas e termos.
Hide this

Resultados dos Livros Google

Carregue numa fotografia para ir para os Livros Google.

Stop-Time: A Memoir por Frank Conroy
A carregar...

Stop-Time: A Memoir (edição 1977)

por Frank Conroy

MembrosCríticasPopularidadeAvaliação médiaMenções
4951036,869 (3.94)10
First published in 1967, Stop-Time was immediately recognized as a masterpiece of modern American autobiography, a brilliant portrayal of one boy's passage from childhood to adolescence and beyond. Here is Frank Conroy's wry, sad, beautiful tale of life on the road; of odd jobs and lost friendships, brutal schools and first loves; of a father's early death and a son's exhilarating escape into manhood.… (mais)
Membro:mosaic42
Título:Stop-Time: A Memoir
Autores:Frank Conroy
Informação:Penguin Books (1977), Edition: Reissue, Paperback, 283 pages
Colecções:A sua biblioteca
Avaliação:
Etiquetas:Nenhum(a)

Pormenores da obra

Stop-Time: A Memoir por Frank Conroy

Nenhum(a)
A carregar...

Adira ao LibraryThing para descobrir se irá gostar deste livro.

Ainda não há conversas na Discussão sobre este livro.

» Ver também 10 menções

Mostrando 1-5 de 10 (seguinte | mostrar todos)
“I stood as if listening to music, and in something like the way we are told suns are born … my body … began to coalesce. Warmth flooded my limbs… I sank down…wishing to disturb nothing in the suddenly harmonious world.” p139 ( )
  bowendwelle | Apr 19, 2021 |
The young Frank Conroy in Stop-Time is a heady mix of Holden Caulfield and George Orwell of Down and Out in Paris and London. It's the story of the son of an alcoholic, raised by a clueless mom and flighty stepfather, who frankly admits to his own cluelessless. He wanders in the backwoods of Florida, the streets of New York, and the halls of various institutions, without any guidance but his own inner energy and fierce desire to survive by observing and learning from the world around him -- which he does. You'll shake your head in wonder and awe at his recklessness and tenacity. I'm so glad he survived his haphazard childhood to write this book. ( )
  stephkaye | Dec 14, 2020 |
I came to this because they were talking about it on the Literary Disco podcast a while back. It's a remarkable book that works as a memoir but also a coming of age novel. By the end I was seeing it as a direct forerunner of Knausgaard's epic collection which is as high praise as I can imagine. Wonderful reading. ( )
  asxz | Mar 13, 2019 |
Well-crafted, highly influential coming-of-age tale that nonetheless struck me as slightly anticlimactic and faintly stuffy. It was difficult not to make mental comparisons to Frederick Exley's A FAN'S NOTES, which was published only one year later (1968) than STOP-TIME but in its passion and emotional violence feels vastly more vital. ( )
  MikeLindgren51 | Aug 7, 2018 |
I read this back in college. Well written. I liked the details he'd give, of instances, moments.. I'm not one for reading books about adolescents' lives, but this was a good one. ( )
  homeschoolmimzi | Nov 28, 2016 |
Mostrando 1-5 de 10 (seguinte | mostrar todos)
sem críticas | adicionar uma crítica
Tem de autenticar-se para poder editar dados do Conhecimento Comum.
Para mais ajuda veja a página de ajuda do Conhecimento Comum.
Título canónico
Título original
Títulos alternativos
Data da publicação original
Pessoas/Personagens
Locais importantes
Acontecimentos importantes
Filmes relacionados
Prémios e menções honrosas
Informação do Conhecimento Comum em inglês. Edite para a localizar na sua língua.
Epígrafe
Dedicatória
Informação do Conhecimento Comum em inglês. Edite para a localizar na sua língua.
To Danny and Will
Primeiras palavras
Informação do Conhecimento Comum em inglês. Edite para a localizar na sua língua.
My father stopped living with us when I was three or four.
Citações
Últimas palavras
Nota de desambiguação
Editores da Editora
Autores de citações elogiosas (normalmente na contracapa do livro)
Informação do Conhecimento Comum em inglês. Edite para a localizar na sua língua.
Língua original
DDC/MDS canónico

Referências a esta obra em recursos externos.

Wikipédia em inglês (1)

First published in 1967, Stop-Time was immediately recognized as a masterpiece of modern American autobiography, a brilliant portrayal of one boy's passage from childhood to adolescence and beyond. Here is Frank Conroy's wry, sad, beautiful tale of life on the road; of odd jobs and lost friendships, brutal schools and first loves; of a father's early death and a son's exhilarating escape into manhood.

Não foram encontradas descrições de bibliotecas.

Descrição do livro
Resumo Haiku

Ligações Rápidas

Capas populares

Avaliação

Média: (3.94)
0.5
1 1
1.5
2 6
2.5
3 14
3.5 3
4 16
4.5 5
5 24

É você?

Torne-se num Autor LibraryThing.

 

Acerca | Contacto | LibraryThing.com | Privacidade/Termos | Ajuda/Perguntas Frequentes | Blogue | Loja | APIs | TinyCat | Bibliotecas Legadas | Primeiros Críticos | Conhecimento Comum | 157,889,835 livros! | Barra de topo: Sempre visível