Página InicialGruposDiscussãoMaisZeitgeist
Pesquisar O Sítio Web
Este sítio web usa «cookies» para fornecer os seus serviços, para melhorar o desempenho, para analítica e (se não estiver autenticado) para publicidade. Ao usar o LibraryThing está a reconhecer que leu e compreende os nossos Termos de Serviço e Política de Privacidade. A sua utilização deste sítio e serviços está sujeita a essas políticas e termos.
Hide this

Resultados dos Livros Google

Carregue numa fotografia para ir para os Livros Google.

A carregar...

Discourse on Method (1637)

por René Descartes

Outros autores: Ver a secção outros autores.

MembrosCríticasPopularidadeAvaliação médiaMenções
2,211325,420 (3.57)11
'I concluded that I was a substance whose whole essence or nature resides only in thinking, and which, in order to exist, has no need of place and is not dependent on any material thing.'Descartes's A Discourse on the Method of Correctly Conducting One's Reason and Seeking Truth in the Sciences marks a watershed in European thought; in it, the author provides an informal intellectual autobiography in the vernacular for a non-specialist readership, sweeps away all previousphilosophical traditions, and sets out in brief his radical new philosophy, which begins with a proof of the existence of the self (the famous 'cogito ergo sum'), next deduces from it the existence and nature of God, and ends by offering a radical new account of the physical world and of human andanimal nature.This new translation is accompanied by a substantial introductory essay which draws on Descartes's correspondence to examine his motivation and the impact of his great work on his contemporaries. Detailed notes explain his philosophical terminology and ideas.… (mais)
  1. 00
    The Ethics por Benedict de Spinoza (caflores)
    caflores: Descartes es más claro y breve, pero Spinoza lleva la racionalidad más lejos.
A carregar...

Adira ao LibraryThing para descobrir se irá gostar deste livro.

Ainda não há conversas na Discussão sobre este livro.

» Ver também 11 menções

Cogito ergo sum. 'Penso, logo existo.' Tal proposição resume o espírito de René Descartes (1596-1650), sábio francês cujo 'Discurso do método' inaugurou a filosofia moderna. Em 1637, em uma época em que a força da razão tal qual a conhecemos era muito mais do que incipiente, e em que textos filosóficos eram escritos em latim, voltados apenas para os doutores, Descartes publicou 'Discurso do método', redigido em língua vulgar, isto é, o francês. Ele defendia o 'uso público' da razão e escreveu o ensaio pensando em uma audiência ampla. Queria que a razão - este privilégio único dos seres humanos - fosse exatamente isso, um privilégio de todos homens dotados de senso comum.
  BolideBooks | Jun 23, 2021 |
sem críticas | adicionar uma crítica

» Adicionar outros autores (80 possíveis)

Nome do autorPapelTipo de autorObra?Estado
Descartes, Renéautor principaltodas as ediçõesconfirmado
Frondizi, RisieriEditorautor secundárioalgumas ediçõesconfirmado
Heffernan, GeorgeTradutorautor secundárioalgumas ediçõesconfirmado
Lafleur, Laurence J.Tradutorautor secundárioalgumas ediçõesconfirmado
Maclean, IanTradutorautor secundárioalgumas ediçõesconfirmado
Renault, LaurenceIntroduçãoautor secundárioalgumas ediçõesconfirmado
Robinet, AndréIntroduçãoautor secundárioalgumas ediçõesconfirmado
Zariņš, VilnisTradutorautor secundárioalgumas ediçõesconfirmado

Está contido em

É resumida em

Tem de autenticar-se para poder editar dados do Conhecimento Comum.
Para mais ajuda veja a página de ajuda do Conhecimento Comum.
Título canónico
Informação do Conhecimento Comum em inglês. Edite para a localizar na sua língua.
Título original
Títulos alternativos
Data da publicação original
Pessoas/Personagens
Locais importantes
Acontecimentos importantes
Filmes relacionados
Prémios e menções honrosas
Informação do Conhecimento Comum em inglês. Edite para a localizar na sua língua.
Epígrafe
Dedicatória
Primeiras palavras
Informação do Conhecimento Comum em espanhol. Edite para a localizar na sua língua.
El buen sentido es la cosa mejor repartida del mundo (...)
Citações
Últimas palavras
Informação do Conhecimento Comum em espanhol. Edite para a localizar na sua língua.
(Carregue para mostrar. Atenção: Pode conter revelações sobre o enredo.)
Nota de desambiguação
Informação do Conhecimento Comum em inglês. Edite para a localizar na sua língua.
Single edition.  Careful not to combine with anthologies.
Editores da Editora
Autores de citações elogiosas (normalmente na contracapa do livro)
Língua original
Informação do Conhecimento Comum em inglês. Edite para a localizar na sua língua.
DDC/MDS canónico
Canonical LCC

Referências a esta obra em recursos externos.

Wikipédia em inglês (1)

'I concluded that I was a substance whose whole essence or nature resides only in thinking, and which, in order to exist, has no need of place and is not dependent on any material thing.'Descartes's A Discourse on the Method of Correctly Conducting One's Reason and Seeking Truth in the Sciences marks a watershed in European thought; in it, the author provides an informal intellectual autobiography in the vernacular for a non-specialist readership, sweeps away all previousphilosophical traditions, and sets out in brief his radical new philosophy, which begins with a proof of the existence of the self (the famous 'cogito ergo sum'), next deduces from it the existence and nature of God, and ends by offering a radical new account of the physical world and of human andanimal nature.This new translation is accompanied by a substantial introductory essay which draws on Descartes's correspondence to examine his motivation and the impact of his great work on his contemporaries. Detailed notes explain his philosophical terminology and ideas.

Não foram encontradas descrições de bibliotecas.

Descrição do livro
Resumo Haiku

Capas populares

Ligações Rápidas

Genres

Classificação da Biblioteca do Congresso dos EUA (LCC)

Avaliação

Média: (3.57)
0.5
1 6
1.5 1
2 19
2.5 3
3 65
3.5 11
4 69
4.5 8
5 36

É você?

Torne-se num Autor LibraryThing.

 

Acerca | Contacto | LibraryThing.com | Privacidade/Termos | Ajuda/Perguntas Frequentes | Blogue | Loja | APIs | TinyCat | Bibliotecas Legadas | Primeiros Críticos | Conhecimento Comum | 163,314,237 livros! | Barra de topo: Sempre visível