Página InicialGruposDiscussãoMaisZeitgeist
Pesquisar O Sítio Web
Este sítio web usa «cookies» para fornecer os seus serviços, para melhorar o desempenho, para analítica e (se não estiver autenticado) para publicidade. Ao usar o LibraryThing está a reconhecer que leu e compreende os nossos Termos de Serviço e Política de Privacidade. A sua utilização deste sítio e serviços está sujeita a essas políticas e termos.
Hide this

Resultados dos Livros Google

Carregue numa fotografia para ir para os Livros Google.

The Dark Tower VII: The Dark Tower (7) por…
A carregar...

The Dark Tower VII: The Dark Tower (7) (original 2004; edição 2005)

por Stephen King (Autor), Michael Whelan (Ilustrador)

Séries: The Dark Tower (7)

MembrosCríticasPopularidadeAvaliação médiaMenções
9,346166607 (4.12)299
All good things must come to an end, Constant Reader, and not even Stephen King can make a story that goes on forever. The tale of Roland Deschain's relentless quest for the Dark Tower has, the author fears, sorely tried the patience of those who have followed it from its earliest chapters. But attend to it a while longer, if it pleases you, for this volume is the last, and often the last things are best. Roland's ka-tet remains intact, though scattered over wheres and whens. Susannah-Mia has been carried from the Dixie Pig (in the summer of 1999) to a birthing room -- really a chamber of horrors -- in Thunderclap's Fedic; Jake and Father Callahan, with Oy between them, have entered the restaurant on Lex and Sixty-first with weapons drawn, little knowing how numerous and noxious are their foes. Roland and Eddie are with John Cullum in Maine, in 1977, looking for the site on Turtleback Lane where "walk-ins" have been often seen. They want desperately to get back to the others, to Susannah especially, and yet they have come to realize that the world they need to escape is the only one that matters. Thus the book opens, like a door to the uttermost reaches of Stephen King's imagination. You've come this far. Come a little farther. Come all the way. The sound you hear may be the slamming of the door behind you. Welcome to The Dark Tower.… (mais)
Membro:steppenfloyd
Título:The Dark Tower VII: The Dark Tower (7)
Autores:Stephen King (Autor)
Outros autores:Michael Whelan (Ilustrador)
Informação:Scribner (2005), Edition: Reprint, 864 pages
Colecções:A sua biblioteca
Avaliação:****
Etiquetas:Western, epic fantasy

Pormenores da obra

The Dark Tower por Stephen King (2004)

Adicionado recentemente pornickwisseman, mmmmaaaacccckkkk, Stuart.Pyle, biblioteca privada, SugarThief, ReaderWriterRunner, Ben-Shelby
A carregar...

Adira ao LibraryThing para descobrir se irá gostar deste livro.

Ainda não há conversas na Discussão sobre este livro.

» Ver também 299 menções

Neste volume sete, o leitor poderá conhecer o desfecho da missão implacável de Roland Deschain para chegar à Torre Negra. O pistoleiro Roland é obcecado por uma enorme corrente de energia que emana da torre que ele busca - e que precisa ser resgatada, pois está enfraquecendo. No decorrer da saga, Roland recruta um viciado em drogas, uma mulher sem pernas, um padre amaldiçoado e um 'filho', além de um animal inventado, o trapalhão Oi, para ser seu ka-tet, ou bando. Este o acompanhará na missão para achar - e salvar - a torre das mãos do Rei Rubro e seus aliados, cuja missão é a destruição da torre e do mundo. ( )
  Helo_Miranda | Nov 15, 2012 |
N 1970, when he was 22, Stephen King wrote a sentence he liked: ''The man in black fled across the desert, and the gunslinger followed.'' It's an innocent sentence -- pulpy and suggestive -- but it grew to become a monster. As the first line in the ''Dark Tower'' series, it begins a story King intended to be the longest popular novel in history. With the publication of ''The Dark Tower VII,'' the series has topped the 4,000-page mark and, mercifully, reached its conclusion.
adicionada por stephmo | editarNew York Times, Michael Agger (Oct 17, 2004)
 
King's "The Dark Tower" is the culmination of a saga that spans 3,000 pages, seven primary volumes, at least 15 ancillary ones and more than three decades of effort on the part of its author.
 

» Adicionar outros autores (27 possíveis)

Nome do autorPapelTipo de autorObra?Estado
King, Stephenautor principaltodas as ediçõesconfirmado
Bergner, WulfTradutorautor secundárioalgumas ediçõesconfirmado
Guidall, GeorgeNarradorautor secundárioalgumas ediçõesconfirmado
Whelan, MichaelIlustradorautor secundárioalgumas ediçõesconfirmado
Tem de autenticar-se para poder editar dados do Conhecimento Comum.
Para mais ajuda veja a página de ajuda do Conhecimento Comum.
Título canónico
Informação do Conhecimento Comum em inglês. Edite para a localizar na sua língua.
Título original
Títulos alternativos
Data da publicação original
Pessoas/Personagens
Informação do Conhecimento Comum em inglês. Edite para a localizar na sua língua.
Locais importantes
Informação do Conhecimento Comum em inglês. Edite para a localizar na sua língua.
Acontecimentos importantes
Filmes relacionados
Prémios e menções honrosas
Informação do Conhecimento Comum em inglês. Edite para a localizar na sua língua.
Epígrafe
Informação do Conhecimento Comum em inglês. Edite para a localizar na sua língua.
Not hear? When noise was everywhere! it tolled / Increasing like a bell. Names in my ears / Of all the lost adventurers, my peers -- / How such a one was strong, and such was bold, / And such was fortunate, yet each of old / Lost, lost! one moment knelled the woe of years. // There they stood, ranged along the hillsides, met / To view the last of me, a living frame / For one more picture! In a sheet of flame / I saw them and I knew them all. And yet / Dauntless the slug-horn to my lips I set, / And blew. 'Childe Roland to the Dark Tower came.' -- Robert Browning, "Childe Roland to the Dark Tower Came"
I was born / Six-gun in my hand, / behind a gun/ I'll make my final stand. -- Bad Company
What have I become? / My sweetest friend / Everyone I know / Goes away in the end / You could have it all / My empire of dirt / I will let you down / I will make you hurt. -- Trent Reznor
Dedicatória
Informação do Conhecimento Comum em inglês. Edite para a localizar na sua língua.
He who speaks without an attentive ear is mute. Therefore, Constant Reader, this final book in the Dark Tower cycle is dedicated to you. Long days and pleasant nights.
Primeiras palavras
Informação do Conhecimento Comum em inglês. Edite para a localizar na sua língua.
Pere Don Callahan had once been the Catholic priest of a town, 'Salem's Lot had been it's name, that no longer existed on any map.
Citações
Informação do Conhecimento Comum em inglês. Edite para a localizar na sua língua.
He was aware that his hands had rolled themselves into fists, but only because he could feel his carefully cared-for nails biting into his palms.
Últimas palavras
Informação do Conhecimento Comum em inglês. Edite para a localizar na sua língua.
(Carregue para mostrar. Atenção: Pode conter revelações sobre o enredo.)
Nota de desambiguação
Editores da Editora
Autores de citações elogiosas (normalmente na contracapa do livro)
Língua original
Informação do Conhecimento Comum em inglês. Edite para a localizar na sua língua.
DDC/MDS canónico

Referências a esta obra em recursos externos.

Wikipédia em inglês (1)

All good things must come to an end, Constant Reader, and not even Stephen King can make a story that goes on forever. The tale of Roland Deschain's relentless quest for the Dark Tower has, the author fears, sorely tried the patience of those who have followed it from its earliest chapters. But attend to it a while longer, if it pleases you, for this volume is the last, and often the last things are best. Roland's ka-tet remains intact, though scattered over wheres and whens. Susannah-Mia has been carried from the Dixie Pig (in the summer of 1999) to a birthing room -- really a chamber of horrors -- in Thunderclap's Fedic; Jake and Father Callahan, with Oy between them, have entered the restaurant on Lex and Sixty-first with weapons drawn, little knowing how numerous and noxious are their foes. Roland and Eddie are with John Cullum in Maine, in 1977, looking for the site on Turtleback Lane where "walk-ins" have been often seen. They want desperately to get back to the others, to Susannah especially, and yet they have come to realize that the world they need to escape is the only one that matters. Thus the book opens, like a door to the uttermost reaches of Stephen King's imagination. You've come this far. Come a little farther. Come all the way. The sound you hear may be the slamming of the door behind you. Welcome to The Dark Tower.

Não foram encontradas descrições de bibliotecas.

Descrição do livro
Resumo Haiku

Ligações Rápidas

Capas populares

Avaliação

Média: (4.12)
0.5 8
1 31
1.5 6
2 99
2.5 30
3 301
3.5 74
4 759
4.5 81
5 967

É você?

Torne-se num Autor LibraryThing.

 

Acerca | Contacto | LibraryThing.com | Privacidade/Termos | Ajuda/Perguntas Frequentes | Blogue | Loja | APIs | TinyCat | Bibliotecas Legadas | Primeiros Críticos | Conhecimento Comum | 160,497,689 livros! | Barra de topo: Sempre visível