Página InicialGruposDiscussãoMaisZeitgeist
Pesquisar O Sítio Web
Este sítio web usa «cookies» para fornecer os seus serviços, para melhorar o desempenho, para analítica e (se não estiver autenticado) para publicidade. Ao usar o LibraryThing está a reconhecer que leu e compreende os nossos Termos de Serviço e Política de Privacidade. A sua utilização deste sítio e serviços está sujeita a essas políticas e termos.

Resultados dos Livros Google

Carregue numa fotografia para ir para os Livros Google.

A carregar...

Lisey's Story

por Stephen King

MembrosCríticasPopularidadeAvaliação médiaDiscussões / Menções
8,503195992 (3.59)1 / 246
Two years after the death of enigmatic and celebrated author Scott Landon, his wife Lisey fields inquiries from academics and private collectors requesting his personal letters and unpublished works--if any exist. Then aother interested party makes contact by leaving a dead cat in her mailbox. And then the terrifying phone calls begin. Lisey's only escape comes in the strange fantasy world where her husband found his inspiration. Now she must struggle to survive in a place where nightfall brings terrifying danger.… (mais)
  1. 30
    Bag of Bones por Stephen King (sturlington)
    sturlington: Very similar themes.
A carregar...

Adira ao LibraryThing para descobrir se irá gostar deste livro.

» Ver também 246 menções

Inglês (181)  Francês (3)  Italiano (2)  Alemão (2)  Espanhol (2)  Holandês (2)  Finlandês (2)  Dinamarquês (1)  Todas as línguas (195)
Mostrando 1-5 de 195 (seguinte | mostrar todos)
Dopo aver letto (fino in fondo...) e apprezzato tanti romanzi di King, devo confessare che qui l'ho mollato dopo 150 faticosissime pagine.
Sommando una trama prolissa, l'uso di un linguaggio che a voler essere buoni definirei "strano" e aggiungendo la solita fastidiosa traduzione di Dobner (Dio lo abbia in gloria...) per me è stata una completa delusione.
Ammiro chi lo definisce un capolavoro, ma personalmente mi associo ai tanti che hanno stroncato questo libro. ( )
  ginsengman | Jan 3, 2024 |
*All reviews are from online reviews*

Lisey Debusher Landon lost her husband, Scott, two years ago, after a twenty-five year marriage of the most profound and sometimes frightening intimacy. Scott was an award-winning, bestselling novelist and a very complicated man. Early in their relationship, before they married, Lisey had to learn from him about books and blood and bools. Later, she understood that there was a place Scott went--a place that both terrified and healed him, that could eat him alive or give him the ideas he needed in order to live. Now it's Lisey's turn to face Scott's demons, Lisey's turn to go to Boo'ya Moon. What begins as a widow's efforts to sort through the papers of her celebrated husband becomes a nearly fatal journey into the darkness he inhabited. Perhaps King's most personal and powerful novel, Lisey's Story is about the wellsprings of creativity, the temptations of madness, and the secret language of love.
  TeacherCarrieP | Aug 28, 2023 |
Spannend, aangrijpend en een heel intiem boek. Ik vind het echt een totaal ander boek van Stephen King, hoewel er weer genoeg wreedheid en pure doodsangst in zit. Mooi! ( )
  weaver-of-dreams | Aug 1, 2023 |
Eigentlich lese ich Stephen King gern. Ich mag seinen Stil, vor allem, wenn es keine zu Horror-lastigen Bücher sind. Daher dachte ich, dass dieses Buch genau das Richtige für mich sein könnte.
Allerdings hat es mich nicht umgehauen. Genau das, was ich normalerweise mag, der Schreibstil, war mir in diesem Buch sehr fremd. Aber er passt natürlich zum Inhalt.
Lisey, die Witwe des berühmten Schriftstellers Scott Landon, wird bedroht und muss sich der Vergangenheit stellen. Scott hatte eine ganz schreckliche Kindheit und es ist an Lisey, ihre Spuren aufzuarbeiten.
Ich mochte das Buch grundsätzlich, auch wenn es mich nicht restlos begeistert hat. Ich glaube, das lag daran, dass man wenig über Lisey als Person aus eigenem Recht erfährt. Sie lebt für Scott und ihre Schwestern. Dass Lisey tough ist, wird im Buch deutlich, aber sie wird auschließlich in ihrem Kümmern um andere gezeigt.
Insgesamt dachte ich schon darüber nach, wie viel von Scott in Stephen King steckt. ( )
  Wassilissa | May 29, 2023 |
Holaaaa amigos y amigas de los libros. Esta vez traigo una reseña de una maravilla de Stephen King, del que llevo leyendo más de 25 años. Son pocas sus obras que me faltan por leer y esta era una de ellas.

Es una historia muy emotiva de amor, pero escrita al estilo King y sin ser de terror contiene pasajes verdaderamente terroríficos, que dan miedito del bueno. Es una lectura compleja y lenta, sobre todo la primera parte, pero para nada tediosa. Es de las que se disfruta lentamente.

Lo que la hace compleja es su estructura, que está formada por distintas tramas en diferentes líneas temporales divididas a su vez en subtramas a lo que hay que añadir el mundo fantástico. ¡Eahh aquí queda eso!.

¿Y de qué va?. Pues vamos al lío.

La trama principal corresponde a Lisey afrontando el duelo tras quedarse viuda de Scott, un famoso escritor. Comienza a vivir una serie de situaciones límite y peligros, provocados por seguidores de su marido y a esto habría que sumarle que su hermana entra en estado catatónico.

Para pasar página en el duelo, Lisey comienza el desmontaje del estudio de Scott, lo que le provoca recuerdos de y con Scott. Su relación y la vida del escritor se nos irá relatando. En esta línea se intercalan las narraciones de la infancia de Scott, la cual ha sido muy dura.

En cuanto con los personajes se disfrutan mucho. Lisey una mujer fuerte, una maravilla de personaje, y un Scott traumatizado, ambos son unos personajes muy complejos que llegaremos a quererlos. En cuanto al resto no se profundiza mucho ni siquiera con el malo malisimo.

Durante el desarrollo de la novela aparecen conceptos como "estado de mal rollo" y palabras tales como "Dáliva", "Boo'ya Moon", inkub, etc, que no sabremos el significado hasta ir descubriendo a lo largo de la lectura.

Y el broche final es magnífico, con un final emotivo e impactante.

Muy recomendable, y otra serie tv que tengo pendiente para comparar, ya que esta novela tiene adaptación.

Más cositas en Instagram en @elcalvolector2.0 ( )
  Miorra | Feb 26, 2023 |
Mostrando 1-5 de 195 (seguinte | mostrar todos)
sem críticas | adicionar uma crítica
Tem de autenticar-se para poder editar dados do Conhecimento Comum.
Para mais ajuda veja a página de ajuda do Conhecimento Comum.
Título canónico
Informação do Conhecimento Comum em inglês. Edite para a localizar na sua língua.
Título original
Títulos alternativos
Data da publicação original
Pessoas/Personagens
Informação do Conhecimento Comum em inglês. Edite para a localizar na sua língua.
Locais importantes
Informação do Conhecimento Comum em inglês. Edite para a localizar na sua língua.
Acontecimentos importantes
Filmes relacionados
Epígrafe
Informação do Conhecimento Comum em inglês. Edite para a localizar na sua língua.
Where do you go when you're lonely?

Where do you go when you're blue?

Where do you go when you're lonely?

I'll follow you

When the stars go blue.

-- Ryan Adams
"If I were the moon, I know here I would fall down."

-- D. H. Lawrence, The Rainbow
"She turned, and saw a great white moon looking at her over the hill. And her breast opened to it, she was cleaved like a transparent jewel to its light. She stood filled with the full moon, offering herself. Her two breasts opened to make way for it, her body opened wide like a quivering anemone, a soft, dilated invitation touched by the moon."

-- D. H. Lawrence, The Rainbow
"You are the call and I am the answer,

You are the wish, and I the fulfillment,

You are the night, and I the day.

What else? It is perfect enough.

It is perfectly complete,

You and I,

What more -- ?

Strange, how we suffer in spite of this!"

-- D. H. Lawrence, "Bei Hennef"
Dedicatória
Informação do Conhecimento Comum em inglês. Edite para a localizar na sua língua.
For Tabby
Primeiras palavras
Informação do Conhecimento Comum em inglês. Edite para a localizar na sua língua.
To the public eye, the spouses of well-known writers are all but invisible, and no one knew it better than Lisey Landon.
Citações
Informação do Conhecimento Comum em inglês. Edite para a localizar na sua língua.
In any case she might well have gone on until dawn's early light and it would have gotten her a lot of hot air in one hand and big pile of jack shit in the other.
I got to end all this ding-dong for the freesias.
Últimas palavras
Informação do Conhecimento Comum em inglês. Edite para a localizar na sua língua.
Nota de desambiguação
Editores da Editora
Autores de citações elogiosas (normalmente na contracapa do livro)
Informação do Conhecimento Comum em inglês. Edite para a localizar na sua língua.
Língua original
Informação do Conhecimento Comum em inglês. Edite para a localizar na sua língua.
DDC/MDS canónico
LCC Canónico

Referências a esta obra em recursos externos.

Wikipédia em inglês (2)

Two years after the death of enigmatic and celebrated author Scott Landon, his wife Lisey fields inquiries from academics and private collectors requesting his personal letters and unpublished works--if any exist. Then aother interested party makes contact by leaving a dead cat in her mailbox. And then the terrifying phone calls begin. Lisey's only escape comes in the strange fantasy world where her husband found his inspiration. Now she must struggle to survive in a place where nightfall brings terrifying danger.

Não foram encontradas descrições de bibliotecas.

Descrição do livro
Resumo Haiku

Current Discussions

Nenhum(a)

Capas populares

Ligações Rápidas

Avaliação

Média: (3.59)
0.5 7
1 61
1.5 14
2 162
2.5 26
3 384
3.5 97
4 516
4.5 46
5 336

É você?

Torne-se num Autor LibraryThing.

 

Acerca | Contacto | LibraryThing.com | Privacidade/Termos | Ajuda/Perguntas Frequentes | Blogue | Loja | APIs | TinyCat | Bibliotecas Legadas | Primeiros Críticos | Conhecimento Comum | 204,489,153 livros! | Barra de topo: Sempre visível