Página InicialGruposDiscussãoMaisZeitgeist
Pesquisar O Sítio Web
Este sítio web usa «cookies» para fornecer os seus serviços, para melhorar o desempenho, para analítica e (se não estiver autenticado) para publicidade. Ao usar o LibraryThing está a reconhecer que leu e compreende os nossos Termos de Serviço e Política de Privacidade. A sua utilização deste sítio e serviços está sujeita a essas políticas e termos.
Hide this

Resultados dos Livros Google

Carregue numa fotografia para ir para os Livros Google.

A carregar...

Principia Ethica (1903)

por G. E. Moore

Outros autores: Ver a secção outros autores.

MembrosCríticasPopularidadeAvaliação médiaMenções
585329,999 (3.79)5
First published in 1903, this volume revolutionized philosophy and forever altered the direction of ethical studies. A philosopher's philosopher, G. E. Moore was the idol of the Bloomsbury group, and Lytton Strachey declared that Principia Ethica marked the rebirth of the Age of Reason. This work clarifies some of moral philosophy's most common confusions and redefines the science's terminology. Moore's focus on conceptual analysis as a method of achieving clarity made him a founder of the current philosophical trend toward analytic and linguistic elements. His simplicity of style and precise use of everyday language exercised an enormous influence on the development of analytic philosophy, and they contribute to the continuing resonance of his compelling arguments. Book jacket.… (mais)
A carregar...

Adira ao LibraryThing para descobrir se irá gostar deste livro.

Ainda não há conversas na Discussão sobre este livro.

» Ver também 5 menções

Mostrando 3 de 3
For it is the business of Ethics, I must insist, not only to obtain true results, but also to find valid reasons for them. The direct object of Ethics is knowledge and not practice; and any one who uses the naturalistic fallacy has certainly not fulfilled this first object, however correct his practical principles may be. ( )
  drbrand | May 29, 2020 |
I don't have the proper context in philosophical reading to know where the ideas in Moore's book fit into the larger philosophy canon, but I found this book to be worthwhile from a dabbler's perspective. Moore discusses the purpose of ethics, the naturalistic fallacy, hedonism, and the ideal. He states that good "does denote a simple and indefinable notion" and explains the problems that occur when we identify good with something other than good. It seems that this concept would be important to remember. Elements of both hedonism and the naturalistic fallacy seem to be included in many works of literary fiction, but I haven't particularly labeled the naturalistic fallacy in past reading. Moore is definitely recommended but not easy. ( )
  karmiel | Jul 31, 2015 |
Moore provided the some of the Bloomsbury set with the appropriate philosophical leverage (ethical non-naturalism) to spring themselves from the Victorian-cum-Edwardian ethos. Quite striking during its time for those of a certain aesthetic cast of mind. Not as tough a slog as Whitehead, but not light reading, either. I have a grasp of the naturalistic fallacy and the open question argument, but Moore's paradox? Wittgenstein kept chewing on it like a dog worrying a bone. Caveat lector!
  kencf0618 | Sep 29, 2005 |
Mostrando 3 de 3
sem críticas | adicionar uma crítica

» Adicionar outros autores (12 possíveis)

Nome do autorPapelTipo de autorObra?Estado
G. E. Mooreautor principaltodas as ediçõescalculated
Baldwin, ThomasEditorautor secundárioalgumas ediçõesconfirmado

Belongs to Publisher Series

Tem de autenticar-se para poder editar dados do Conhecimento Comum.
Para mais ajuda veja a página de ajuda do Conhecimento Comum.
Título canónico
Título original
Títulos alternativos
Data da publicação original
Pessoas/Personagens
Locais importantes
Acontecimentos importantes
Filmes relacionados
Prémios e menções honrosas
Informação do Conhecimento Comum em inglês. Edite para a localizar na sua língua.
Epígrafe
Informação do Conhecimento Comum em inglês. Edite para a localizar na sua língua.
Everything is what it is and not another thing.

BISHOP BUTLER
Dedicatória
Informação do Conhecimento Comum em inglês. Edite para a localizar na sua língua.
DOCTORIBUS AMICISQUE CANTABRIGIENSIBUS
DISCIPULUS AMICUS CANTABRIGIENSIS
PRIMITIAS
D. D. D.
AUCTOR
Primeiras palavras
Informação do Conhecimento Comum em inglês. Edite para a localizar na sua língua.
Io ritengo che le difficoltà e i dissensi di cui la storia dell'etica è piena come quella di tutti gli altri campi della filosofia siano dovuti principalmente a una causa molto semplice: al fatto, cioè, che spesso si tenta di rispondere a una domanda senza prima chiarire precisamente quale sia la domanda cui si vuole dare risposta.
Citações
Últimas palavras
Nota de desambiguação
Editores da Editora
Autores de citações elogiosas (normalmente na contracapa do livro)
Língua original
Informação do Conhecimento Comum em inglês. Edite para a localizar na sua língua.
DDC/MDS canónico

Referências a esta obra em recursos externos.

Wikipédia em inglês (2)

First published in 1903, this volume revolutionized philosophy and forever altered the direction of ethical studies. A philosopher's philosopher, G. E. Moore was the idol of the Bloomsbury group, and Lytton Strachey declared that Principia Ethica marked the rebirth of the Age of Reason. This work clarifies some of moral philosophy's most common confusions and redefines the science's terminology. Moore's focus on conceptual analysis as a method of achieving clarity made him a founder of the current philosophical trend toward analytic and linguistic elements. His simplicity of style and precise use of everyday language exercised an enormous influence on the development of analytic philosophy, and they contribute to the continuing resonance of his compelling arguments. Book jacket.

Não foram encontradas descrições de bibliotecas.

Descrição do livro
Resumo Haiku

Ligações Rápidas

Capas populares

Avaliação

Média: (3.79)
0.5
1 1
1.5
2
2.5 1
3 4
3.5 1
4 15
4.5 1
5 3

É você?

Torne-se num Autor LibraryThing.

 

Acerca | Contacto | LibraryThing.com | Privacidade/Termos | Ajuda/Perguntas Frequentes | Blogue | Loja | APIs | TinyCat | Bibliotecas Legadas | Primeiros Críticos | Conhecimento Comum | 157,202,463 livros! | Barra de topo: Sempre visível